segunda-feira, 23 de novembro de 2015

Inocência?




Eu estava sozinha em casa, me preparando para dormir, quando tocou a campainha. Fiquei preocupada, quem seria àquela hora da noite? Corri atender! Era minha amiga, Isabela, que estava aos prantos. Chorava muito!! Depois de algum tempo consegui acalmá-la.
- O que aconteceu minha amiga? Qual o motivo desse choro?
Enquanto minha amiga relatava os fatos, eu ouvia com muita atenção.
- Cintia, não sei o que fazer, qual atitude tomar. Preciso muito do seu apoio. Fui pega em flagrante por meu pai, quando estava no meu quarto, conversando pela webcam, com um pretendente mais velho.
-  Quem é ele, amiga? De onde ele é? Qual o nome dele? Vocês já marcaram algum encontro?
- Nem imagino quem seja, pois, ele não abre a câmera. Sei seu nome, Raul, e a sua idade, cinquenta e três anos. Ele gosta de me ver nua e era assim que eu estava, quando meu pai entrou no quarto. Que vergonha! E agora?
Pedi a ela que mantivesse a calma, que tudo iria se resolver. Isabela se abriu, contando tudo o que já havia acontecido nesse relacionamento virtual. Fiquei surpresa com sua história. Por ser uma menina de apenas quatorze anos de idade, ela tinha experiências que jamais imaginei. 
Pensei em como poderia ajudá-la, sem falar de casos isolados e minoritários, que apenas se destacaram porque deram certo. Àqueles que cheguei a acompanhar através da mídia. 
Precisava ajudá-la, apenas isso! Não podia virar as costas para o caso e simplesmente esquecê-lo.
Fiz uma busca pela internet e constatei inúmeros casos, onde relacionamentos de adolescentes com homens mais velhos, acabavam sempre em tragédia. Minha preocupação aumentou, uma adolescente perdendo oportunidades! 
Mais uma vez, pedi a Isabela que ficasse tranquila, eu iria conversar com seu pai a respeito, minha interferência, nesse caso, seria importante.
Eu era amiga da família, de longa data, e tinha essa liberdade. Fiz o prometido e fui conversar com seu pai. Expliquei tudo sobre o acontecido, que infelizmente, a internet traz coisas boas, mas, também, coisas ruins. 
Ele entendeu e ficou de ter uma conversa com a filha. Fiquei feliz por ele ter compreendido e de se comprometer a tomar as devidas providências.
Dois meses depois, dos fatos ocorridos, tive a curiosidade de entrar num site de relacionamentos para ver e constatar a facilidade de manter contato com alguém através da internet. Acessei o site indicado pela Isabela. Usei um nome fictício e a foto de uma flor. Era um site conhecido e bem divulgado. Nem bem entrei e já havia um pretendente que se apresentou com o nome de Raul.
Fiquei interessada, pois, era um coroa bonito na foto, com a descrição de uma pessoa bem sucedida. Embarquei nessa ilusão e me aprofundei na história. Palavras apaixonantes e muitos elogios. Nossa, tudo o que uma mulher gosta e quer ouvir.
Raul já estava me envolvendo de tal forma, que mal esperava para podermos conversar. Só que um fato foi me deixando desconfiada. Toda vez que ele me chamava na webcam, aparecia  sentado numa escrivaninha de escritório. A imagem não se movia. Ele pedia para me ver, exatamente como fazia com a Isabela. Foi aí que dei corda para o papo, para elogios ainda mais quentes.
Resolvi marcar um encontro, para que eu pudesse conhecê-lo pessoalmente. Tudo combinado, acertamos o lugar, para que não corrêssemos o risco de sermos vistos por ninguém.
Chegou o grande dia. Me arrumei e fui ao encontro. Enviei uma mensagem me descrevendo, como estava vestida e vice versa. 
Para minha grande surpresa quando cheguei ao local combinado, levei um susto!
Aproximei-me para ter certeza e o chamei pelo nome. Quando ele virou,  quase tive um desmaio. Aquele homem, que estava me cortejando através da internet e que estava iludindo a Isabela, era simplesmente seu tio Joaquim.
Ele ficou sem ação. O susto e a surpresa foram grandes para ele também. Tentou se desculpar de todas as formas. Ele não imaginava que a Isabela tinha me contado sobre o caso dela e nem que seu cunhado sabia de toda a história.
Nessa vida temos muitas surpresas. Esta é a realidade e não podemos colorir um fato que é real. Meninas, moças e até mesmo mulheres maduras, devem tomar cuidado para não se iludirem com uma cantada virtual. 
Quem está por trás da câmera?

Colaboração de L.T.A.







39 comentários:

  1. Esse é um fato que esta acontecendo com muitas mulheres, independente de idade. Palavras doces vinda com elogios é uma armadilha que infelizmente funciona! Que história hemmmm, muito bom poder mostrar um pouco do que a internet é capaz. Beijos Cidália, a cada história uma emoção de realidade!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Tânia, as mulheres devem ficar atentas para não se iludirem. Bjos!

      Excluir
  2. Essa história serve de alerta pra muita gente ,ninguém sabe quem ta por tráz da tela .gostei muito . parabéns .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Cleuza! Toda regra tem exceção, mas por via das dúvidas o cuidado nunca é demais.

      Excluir
  3. ... Gostei ... Maravilhosa História ... Merece palmas ...

    ResponderExcluir
  4. Parabéns a essa escritora que está arrasando com seus contos ��

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Mirella, fico feliz em saber que está gostando. bjos!

      Excluir
  5. Muito bom o texto. É importante destacar também que muitas pessoas que usam a internet para procurar um parceiro possuem o vírus HIV e não revelam. Isso é muito perigoso!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, bem lembrado! Todo cuidado é pouco! Ótima observação!
      Bjs.

      Excluir
  6. Um ótimo texto !
    realmente temos que tomar cuidado ao nos relacionarmos com alguém pela internet, nem sempre as pessoas são boas !
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Edimara!
      Pois é, infelizmente! Ouvimos tantas histórias na TV, não é mesmo?
      Beijos ❤

      Excluir
  7. A internet é uma das melhores evolução que o homem criou, mas algumas pessoas aproveitam para extravassar seu pior lado, temos sempre que ficar alertas, independente se ser homem ou mulher. Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, Sandra! Todo cuidado é pouco.
      Obrigada, beijos!

      Excluir
  8. Esse conto é um alerta pra muitas pessoas. Hoje em dia ta tudo muito perigoso e misterioso! Devemos ter cuidado com tudo.

    "Nessa vida temos muitas surpresas. Esta é a realidade e não podemos colorir um fato que é real. Meninas, moças e até mesmo mulheres maduras, devem tomar cuidado para não se iludirem com uma cantada virtual.
    Quem está por trás da câmera?"
    Esse trecho é impressionamente real!
    Amei :)
    Beijos
    Lílian
    www.omundodalilica.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também gostei muito desta parte. Lilian, acredito que as vezes por estarmos vivendo tanto em um mundo virtual e tendo menor contato com "o mundo real", as vezes as pessoas esquecem... Beijo

      Excluir
    2. Sim, espero que sirva como alerta, Lilian. Ouvimos tanta coisa hoje em dia que temos que ficar atentas!
      Obrigada pelo comentário!
      Beijo

      Excluir
    3. Obrigada, Luma! É isso mesmo!

      Beijo.

      Excluir
  9. Conheci alguém que passou por mesma situação. Infelizmente hoje em dia não dá pra ter relação amoroso via internet. Está sendo muito perigoso. As mulheres precisam se resguardar mais. Gostei muito da história, pois serve como alerta.

    Bjs!
    raquelamandamakeup.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sei de alguns casos também, Raquel! É bem isso que você falou, as mulheres precisam se resguardar mais!
      Obrigada, beijos.

      Excluir
  10. Algo tão comum hoje em dia narrado de uma ótima forma,não são todos os casos que são ruins,mas todo cuidado é pouco!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Nay! Sei de pessoas que encontraram o amor através da internet. Mas, é bom ter cuidado.
      Beijo!

      Excluir
  11. Muito verdade, eu nunca gostei muito de relacionamento assim, mas tive um amigo virtual que começou a me seguir e descobriu muita coisa ao meu respeito somente com as dicas que eu dava p ele. Certa vez ele me surpreendeu num shopping aqui da minha cidade, pq disse a ele q iria, foi assustador ver aquele homem se materializar na minha frente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, Carla! Já imaginei a cena! Eu teria morrido de susto. E como você se livrou dele?
      Beijo.

      Excluir
    2. Fui o mais educada possivel e dei um jeito de ir p casa e n mais falei com depois disso. Ele me pediu em namoro la mesmo acredita rssrsrsrs hoje eu dou risadas mas no dia foi tenso.

      Excluir
    3. Ainda bem que tudo terminou bem.
      Beijos!❤

      Excluir
  12. No inicio do texto da aquele choque, por que transportamos para o presente onde tem vários aconselhamentos para cuidados na web. beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, principalmente, para as crianças e adolescentes. Infelizmente, tem muita gente má nesse mundo.
      Obrigada, beijo!

      Excluir
  13. Seu conto é super atual, todos os dias ouvimos histórias desse tipo que não acabam bem, acho que a meninada e também a mulherada precisam tomar mais cuidado na net, é quase um mundo de ninguém por isso quase tudo pode acontecer.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, é isso mesmo, ninguém sabe se quem está do outro lado da tela está falando a verdade!
      Obrigada, beijo.

      Excluir
  14. Já disse e repito, você arrasa e logo logo terá um livro com esses contos maravilhoso. Mil beijos e continue escrevendo :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Deus te ouça, Dani! Fico super feliz com seus elogios.
      Obrigada, beijos!

      Excluir
  15. É tão comum hoje em dia...
    Mas desilusão é muito ruin.. .

    ResponderExcluir
  16. A internet nos oferece muitas coisas boas, mas, talvez na mesma proporção, oferece perigos e riscos. É preciso ter uma maturidade para navegar na web. Ótima estória e serve de alerta para todos.

    *☆* Atraentemente *☆*

    ResponderExcluir